Segunda-feira
18 de Dezembro de 2017 - 
Você tem garantias e direitos, portanto, conte com o seu advogado de confiança para defendê-lo (a)

Acompanhamento Processual

Acesso ao controle de processos

Notícias

Palavra de Deus

MINISTÉRIO DA PRÁTICA CRISTÃ
Escola do Espírito Santo e das Revelações Bíblicas
Tudo que precisamos é assumir a nossa posição em JESUS CRISTO
 
Em o nome de JESUS CRISTO eu dou graças a DEUS, consagro esta obra a Ele e abençôo a todos com a graça do Senhor JESUS, com o amor de DEUS e com a comunhão e consolação do ESPÍRITO SANTO, amém.
 
O Ministro de JESUS CRISTO, irmão Mattosinho, hoje ministra acerca do seguinte tema:
Respeitemos as regras do divórcio (separação) Mt 5.31-32
 
     ”.
 
Que verdade o ESPÍRITO SANTO nos revela neste texto Bíblico?
Nos revela:
I)                   Bíblia: Foi dito: Aquele que se divorciar de sua mulher deverá dar-lhe certidão de divórcio. Mas eu lhes digo que todo aquele que se divorciar de sua mulher, exceto por imoralidade sexual, faz que ela se torne adúltera, e quem se casar com a mulher divorciada estará cometendo adultério
II)                 Revelação - Mt 5.31-32 - Nos revela quando o divórcio (ou separação) é lícito, ou ainda, quando é e quando não é pecado, ou seja, só não é pecado quando proveniente de imoralidade sexual, é dizer, da prática sexual ilícita.
III)                
IV)              Portanto, praticamos o Cristianismo respeitando as regras do divórcio (separação).
 
Dito isto amados, em o nome de JESUS CRISTO eu dou graças a DEUS e abençôo a todos para que respeitemos as regras do divórcio (separação), amém.
 
Com amor, Irmão Mattosinho.
 
Obs.* A revelação supracitada ressai da Nova Versão Internacional (NVI) da Bíblia, que é a mais recente tradução das Escrituras Sagradas em língua portuguesa a partir das línguas originais.

Contate-nos

Rodovia Transamazônica  20
-  Novo Horizonte
 -  Pacajá / PA
-  CEP: 68485-000
+55 (91) 991040449+55 (94) 991349347+55 (91) 37981042
© 2017 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.