Terça-feira
21 de Agosto de 2018 - 
Você tem garantias e direitos, portanto, conte com o seu advogado de confiança para defendê-lo (a)

Acompanhamento Processual

Acesso ao controle de processos

Notícias

Workshop trabalha ferramentas de consenso

Ampliar a capacidade do mediador ou conciliador para diagnosticar os bloqueios e impasses ao longo de uma negociação e ajudar as partes a chegar a um consenso. Esse foi o objetivo do workshop “Ferramentas para gerar movimento em direção ao consenso”, com o especialista Marcelo Girade, com apoio do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais e Solução de Conflitos (Nupemec) do Tribunal de Justiça do Pará (TJPA), dirigido pela desembargadora Dahil Paraense, em parceria com a Câmara Paraense de Resolução de Conflitos. O workshop foi realizado no último dia 12 e reuniu mediadores formados ou em formação e trabalhou as ferramentas derivadas de cinco grandes áreas estratégicas para ajudar mediadores a orientar as partes ao consenso em uma negociação. Cada área tem um conjunto de ferramentas que ajudam o mediador na sua tarefa e todas elas foram trabalhadas durante o workshop. Marcelo Girade Correa é professor e palestrante, graduado stricto sensu pela Universidade Estatal de São Petersburgo, na Rússia, e mediador avançado certificado pelo Instituto de Certificação e Formação de Mediadores Lusófonos (ICFML) e mediador da Câmara Brasileira de Mediação e Arbitragem Empresarial (CBMAE) PARCERIAS A desembargadora Dahil Paraense, coordenadora do Nupemec, disse que as parcerias firmadas em torno dos projetos de mediação e conciliação para acelerar a resolução de demandas no âmbito do Judiciário têm resultado exitoso, como demonstram as várias frentes de prestação de serviço disponibilizadas como oportunidades de autocomposição para a solução de conflitos. Ela citou como exemplo o evento promovido na semana passada, pelo TJPA, para conciliar pendências envolvendo policiais militares, cujo percentual de conciliações alcançou 82% das demandas analisadas, beneficiando em torno de 400 militares cujas demandas foram analisadas, algumas delas em tramitação há cerca de 10 anos. “A cada ação promovida e efetivada, o prazer de fazer e receber vai confirmando a premissa em que se baseou esse canal do Judiciário, a de que conciliar é a melhor solução, permitindo que todos façam alguma concessão para que, ao final, todos saiam ganhando”, disse a desembargadora.
Fonte:
TJ Para
14/05/2018 (00:00)

Contate-nos

Rodovia Transamazônica  20
-  Novo Horizonte
 -  Pacajá / PA
-  CEP: 68485-000
+55 (91) 991040449+55 (94) 991349347+55 (91) 37981042
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.