Quinta-feira
06 de Outubro de 2022 - 
Você tem garantias e direitos, portanto, conte com o seu Advogado de confiança para defendê-lo (a)

Acompanhamento Processual

Acesso ao controle de processos

Notícias

Especialista fala no STF sobre combate a fake news na palestra “Vaza, Falsiane!”

Foi realizada na manhã desta quarta-feira (10), no Supremo Tribunal Federal (STF), a palestra "Vaza, Falsiane!", ministrada pelo doutor em Comunicação pela Universidade de São Paulo (USP) Ivan Paganotti. Promovida no âmbito do Programa de Combate à Desinformação da Corte, o evento tem como objetivo conscientizar os participantes quanto à importância de se identificar e combater a disseminação indevida de notícias falsas. Participaram servidores, colaboradores e estagiários da Corte.De acordo com o professor Paganotti, fake news podem ser definidas como publicações que viralizam em redes sociais e que apresentam informações comprovadamente falsas, com um formato que simula o estilo de autores com credibilidade para enganar o público e têm autoria ou fonte que não é clara ou é oculta.BatalhaEle afirmou que há “cinco grandes campos de batalha” contra a desinformação e ressaltou que “não há uma única bala de prata" para solucionar o problema, já que o fenômeno é complexo”. Além da atuação no código de conduta das plataformas, Paganotti falou sobre a necessidade de se melhorar a apuração da informação em circulação, dar mais visibilidade para plataformas que produzem conteúdo de qualidade e rotular conteúdos falsos.Como exemplo, ele citou o Projeto Credibilidade, criado no Estados Unidos, onde é conhecido como The Trust Project, e trazido ao Brasil em 2021. O projeto desenvolve padrões de transparência, gerando uma certificação para plataformas que seguem regras de qualidade e produzem conteúdos confiáveis.Educação midiáticaAs outras duas frentes de batalha citadas por Paganotti são a criminalização da difusão de notícias falsas e a abordagem pedagógica, de educação do público para melhor consumir e compartilhar notícias, a chamada “educação midiática”. Ele classificou essa estratégia como uma das melhores formas de lidar com a desinformação. Segundo o professor, a função do educador é mostrar como funcionam as plataformas de mídias sociais, dando ao público ferramentas para melhor utilizá-las.Curso on-lineIvan Paganotti é co-criador do curso online “Vaza, Falsiane!”, referência da área no Brasil. O curso, gratuito e aberto aos interessados, está disponível no site vazafalsiane.com, um hub de educação midiática que alimenta outras iniciativas no combate à desinformação, com conteúdo multimídia.
10/08/2022 (00:00)

Contate-nos

Sede do escritório

Rodovia Transamazônica  20
-  Novo Horizonte
 -  Pacajá / PA
-  CEP: 68485-000
+55 (91) 991040449+55 (91) 37981042
© 2022 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.