Domingo
16 de Dezembro de 2018 - 
Você tem garantias e direitos, portanto, conte com o seu advogado de confiança para defendê-lo (a)

Acompanhamento Processual

Acesso ao controle de processos

Notícias

Julgamentos têm desempenho positivo

As duas Turmas de Direito Público e as duas Turmas de Direito Privado do Tribunal de Justiça do Estado do Pará, registraram um desempenho positivo neste mês de fevereiro de 2018, julgando mais processos do que novos recebidos. De acordo com dados da Unidade de Processamento Judicial do 2º Grau (UPJ) das quatro Turmas, de 1º a 28 de fevereiro, deram entrada no TJ, nessa área específica, 721 novos recursos. No mesmo período, os desembargadores integrantes julgaram 1.401 processos, sendo ainda transitados em julgado pela UPJ com arquivamento e baixa ao juízo de origem o quantitativo de 2.072 processos. Atualmente, o acervo de processos físicos do 2º grau envolvendo as 04 Turmas de Julgamento é de 28.441 processos. Os números deste mês acompanham uma escala positiva de resultados desde a implantação da UPJ, em janeiro de 2017. Desde então, a Unidade registrou a entrada de novos 14.372 processos, julgou 23.515 processos, tendo a UPJ dado baixa em outros 13.218. Os resultados são frutos do trabalho em equipe e da padronização de rotinas possibilitado pela metodologia implementada pela UPJ. A média de julgamentos é de quase o dobro quantitativo em relação aos novos processos que ingressam na Corte. Os dados relativos a fevereiro/2018 constam do Relatório de Rotinas encaminhado ao Comitê Gestor da Unidade de Processamento Judicial de 2º grau, que tem como presidente o desembargador Leonardo de Noronha Tavares, vice-presidente do TJPA. A UPJ das Turmas de Direito Público e de Direito Privado do TJPA foi a primeira a ser instalada no Brasil no âmbito do 2º grau de jurisdição, estando em atividade desde janeiro de 2017. A UPJ é um projeto do Conselho Nacional de Justiça em conjunto com o Tribunal de Justiça de São Paulo, expandindo-se para persos tribunais, tais como os Tribunais de Justiça dos Estados da Bahia, Tocantins e Mato Grosso, e corresponde à unificação de serventias para a otimização dos trabalhos, especialização de servidores em atividades e agilização da tramitação processual, incidindo na melhor produtividade, com maior eficiência e eficácia. De acordo com o secretário geral da Unidade, Jonas Pedroso Libório Vieira, a UPJ segue o modelo de trabalho denominado Nova Estratégia de Produção (NEP), vencedor do prêmio Innovare de Boas Práticas no ano de 2009. A serventia é pidida em quatro núcleos: Atendimento, responsável pelo atendimento aos advogados e partes, assim como pelas remessas, cargas e conclusões de processos; Sessão de Julgamento, a quem compete a inclusão do processo em pauta, pelo anúncio de julgamento, expedição de Cartas de Ordem para comunicação de julgamento e demais atos ligados à sessão de julgamento; Movimentação, que atua no controle de prazos, prepara resenhas, confecciona atos ordinatórios e realiza a juntada de petições; e o núcleo de Cumprimento, responsável por dar cumprimento às diligências determinadas pelos desembargadores.
Fonte:
TJ Para
12/03/2018 (00:00)

Contate-nos

Rodovia Transamazônica  20
-  Novo Horizonte
 -  Pacajá / PA
-  CEP: 68485-000
+55 (91) 991040449+55 (94) 991349347+55 (91) 37981042
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.