Terça-feira
26 de Março de 2019 - 
Você tem garantias e direitos, portanto, conte com o seu advogado de confiança para defendê-lo (a)

Acompanhamento Processual

Acesso ao controle de processos

Notícias

Calendário incentiva sustentabilidade

Desde o mês de dezembro de 2018, o Tribunal de Justiça do Pará (TJPA) faz a troca de calendários ecológicos 2018 por calendários 2019, produzidos a partir da reutilização de papel e de capas de processos. Interessados em trocar o calendário 2018 pelo novo modelo ou receber as folhas dos meses de 2019 para a colocação do espiral podem comparecer ao Núcleo Socioambiental, no prédio-sede do TJPA. A troca de calendários será apenas entre os produzidos pelo Núcleo Socioambiental. Outros formatos ou modelos não serão aceitos. A iniciativa obedece ao Plano de Logística Sustentável (PLS) do Conselho Nacional de Justiça CNJ, que incentiva a sustentabilidade na administração pública e a reutilização do material de expediente pelos tribunais. Os calendários começaram a ser produzidos pelo Núcleo Socioambiental do TJPA em 2017.O modelo de calendários 2019 apresenta a cada mês um projeto institucionalizado do TJPA, a fim de fortalecer a cultura organizacional. A média de distribuição anual é de 2 a 3 mil calendários. Em 2019, a meta do Núcleo Socioambiental é distribuir mais de 3 mil calendários. A proposta foi feita a partir da análise do PLS, e foi constatado que o TJPA consumia muitas resmas de papel branco, usadas apenas de um lado. A maior parte era descartada. Com isso, o Núcleo Socioambiental, por meio do projeto Descarte Consciente, criou os calendários e outros artigos a partir do reuso de material de expediente, como blocos de anotação, como forma de gerar eficiência do gasto público e com o intuito de exaurir a capacidade de impressão e uso do papel. “Hoje, o papel que é descartado é mandado para a cooperativa de reciclagem, mas é mandado a partir do momento em que nós exaurimos o que foi pago pelo órgão público. A ideia do calendário foi de tornar esse gasto público mais eficiente. Em 2018, fizemos a troca e todo o papel que foi usado, frente e verso, vai para a reciclagem”, disse Evelise Rodrigues, coordenadora do Núcleo Socioambiental. “Ao longo do ano, reutilizamos o papel de várias formas e essa é uma das formas de reutilizar. As unidades que aderiram ao projeto Descarte Consciente enviam caixas com folhas de papel para reuso. Hoje, temos unidades no TJPA com custo zero de uso de papel branco, só usam papel reutilizado. Ano passado inovamos com a implementação da reutilização da resma e unidades fecham com zero consumo de resma branca durante o ano todo. Testes de impressora são feitos utilizando mais de 20 resmas só com o papel que reutilizado, e antes disso era usado o papel branco. Assim evitamos que esse material vá para o lixo”, avaliou. Cerca de 380 calendários 2019 já foram enviados para as comarcas do interior do estado e ao menos dez calendários devem ser enviados para cada unidade do interior. Evelise frisa que é importante que os calendários sejam reutilizados de forma integra. “É importante que as pessoas guardem e troquem seus calendários. A troca é feita para estimular a cultura da reutilização, de que é preciso reduzir o consumo e com isso reforçar a proteção ao meio ambiente, que é um dever de todos”, disse.
Fonte:
TJ Para
09/01/2019 (00:00)

Contate-nos

Rodovia Transamazônica  20
-  Novo Horizonte
 -  Pacajá / PA
-  CEP: 68485-000
+55 (91) 991040449+55 (94) 991349347+55 (91) 37981042
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.